João do Cartão está de volta às ruas da Chamusca

Escrito por em 14 de Fevereiro, 2024

O Jogo do Quartão é uma tradição muito antiga da vila da Chamusca, que se realiza há muitos anos na Quarta-feira de Cinzas, num ritual de amizade e de convívio que prolonga o espírito do Carnaval. Esta quarta-feira, dia 14 de fevereiro, a tradição volta às ruas da Chamusca.

O convívio começou bem cedo, pelas 09h00 da manhã, com a preparação do tradicional Almoço do Grelo, realizado no Grupo Dramático Musical JNP da Chamusca, onde os homens, principais protagonistas desta iniciativa, se reúnem para confecionar e saborear o repasto de grelos e bacalhau, regado com bom vinho.

A animação tem continuidade pela tarde, altura em que o grupo sai para as ruas da vila, lançando os quartões de barro, de mão em mão e percorrendo as tascas e demais estabelecimentos comerciais da vila.

Ao contrário de antigamente, onde os quartões de barro eram roubados junto às fontes de água, os quartões de barro são atualmente comprados e a regra é simples: durante o jogo quem deixar cair o quartão paga um valor simbólico para ajudar na organização.

Este jogo começou há muitos anos com um grupo de jovens que roubava os quartões das pessoas quando iam à fonte buscar água, uma vez que nesta altura ainda não havia água canalizada. Mais tarde era a própria comunidade que deixava os quartões, à porta, que já estavam um pouco partidos, para que o grupo os levasse para o tradicional jogo do quartão.

Antigamente a regra era simples: quem deixasse cair e partir o quartão pagava a rodada na tasca mais próxima. Atualmente são as próprias tascas, cafés e restaurantes que entram na brincadeira e oferecem comida e bebida. Quando o grupo passa junto aos estabelecimentos, os proprietários saem à rua para entrarem na brincadeira e deixarem cair o quartão “propositadamente”.

O jogo alarga-se a muitos outros participantes que, ao longo do percurso, vão entrando na brincadeira. Atualmente os jovens também entram no jogo, mas com quartões mais pequenos.

O Jogo do Quartão não é apenas uma tradição, mas sim um elo que une gerações e fortalece os laços comunitários, proporcionando momentos de diversão e convívio que perduram na memória de todos os que têm o privilégio de participar.


Faixa Atual

Título

Artista