Greves desta quarta-feira: quais os serviços, públicos e privados, que podem ser afetados

Escrito por em 27 de Junho, 2023

Centenas de ações de protesto marcadas pela CGTP para reivindicar aumentos, deverão provocar dificuldades de funcionamento em vários serviços, entre os quais a distribuição, a saúde, a hotelaria e serviços do Estado.

Segundo a CGTP, está previsto um conjunto de ações alargadas que incluem concentrações e greves em vários setores, do público ao privado, que poderão ter impacto na indústria alimentar, indústria metalúrgica, hotelaria e no comércio, que tem agendada uma greve nacional na grande distribuição.

Na Administração Pública, a greve nacional dos enfermeiros, que começa também nesta quarta-feira, poderá afetar o setor da saúde e, nas autarquias, “onde estão marcadas mais de 50 ações de luta” os efeitos também devem ser sentidos.

Entre as ações previstas incluem-se plenários, concentrações e greves em várias câmaras municipais do país e em empresas como a Matutano, Lactogal, Nobre, lojas EDP e Grupo Altice. Estão ainda previstas manifestações em Lisboa e no Porto, com início às 15h00.

Entre outras medidas, a CGTP reivindica um aumento dos salários para todos os trabalhadores em, pelo menos, 10% com um mínimo de 100 euros e a subida do salário mínimo para 850 euros.

Fonte: Agência Lusa.

Marcado como

Faixa Atual

Título

Artista