Operação Natal e Ano Novo da GNR já fiscalizou mais de 34 mil condutores até 1 de janeiro

Escrito por em 3 de Janeiro, 2024

A Operação “Natal e Ano Novo 2023/2024” levada a cabo pela Guarda Nacional Republicana (GNR) já fiscalizou, entre as 00h00 do dia 29 de dezembro de 2023 e as 23h59 do dia 1 de janeiro de 2024, 34.993  condutores fiscalizados, dos quais, 692 conduziam com excesso de álcool e, destes, 245 foram detidos por conduzirem com uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 1,2 g/l. De acordo com as autoridades, foram, ainda, detidas 103 pessoas por conduzirem sem habilitação legal.

A GNR destaca, ainda, que das 7.209 contraordenações detetadas 1.690 trataram-se de casos excesso de velocidade e 447 de excessos de álcool. 272 infrações estiveram relacionadas com falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças (SRC), 157 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução, 720 por falta de inspeção periódica obrigatória e 296 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

Neste período, a GNR registou 671 acidentes, dos quais resultaram 5 vítimas mortais, 14 feridos graves e 155 feridos leves.

IMG: Guarda Nacional Republicana.


Faixa Atual

Título

Artista