Concurso Nacional de Azeites de Portugal recebe o Selo de Garantia do Conselho Oleícola Internacional

Escrito por em 14 de Março, 2024

IMG: Canva Pro (Ilustrativa).

Em 2024 o Concurso Nacional de Azeites de Portugal (CNAP) comemora a sua 18.ª edição, nos dias 18 e 19 de abril, e vê o Conselho Oleícola Internacional renovar, por comunicação direta do seu Diretor Executivo, Jaime Lillo, o selo de garantia a esta prestigiada competição.

Este patrocínio institucional reconhece ao CNAP os graus máximos de rigor, exigência técnica e excelência no sentido do cumprimento das normas do Conselho Oleícola Internacional para os prémios de qualidade de Azeite Virgem Extra.

Destinado a distinguir lotes homogéneos de Azeite Virgem Extra, o Concurso Nacional de Azeites de Portugal permite a distinção de Azeites com Denominação de Origem Protegida e os Azeites produzidos em Agricultura Biológica e atribui ainda os prémios “Melhor do Mercado”, a Azeites comprados diretamente nos lineares do mercado nacional pela organização do Concurso, “Azeite Virgem Extra Prestígio” ao lote que obtiver a maior pontuação final absoluta, e ainda o “Prémio Feira Nacional de Agricultura” ao lote com volume igual ou superior a 20000 litros que obtenha a maior pontuação final absoluta.

O Concurso conta com um Painel de Provadores Oficial, nacionais e estrangeiros, profissionais de referência na análise sensorial de Azeites que durante dois dias de provas cegas provam, avaliam e pontuam os Azeites portugueses em competição.

Coorganizado pelo Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo e pelo Centro Nacional de Exposição e Mercados Agrícolas, o Concurso Nacional de Azeites de Portugal tem procurado não só a promoção do sector oleícola português, mas também, e principalmente, a valorização dos Azeites e dos produtores nacionais, reconhecendo e levando a reconhecer por parte do público em geral, o que de melhor se faz na Olivicultura portuguesa.

As inscrições estão abertas até ao dia 08 de Abril de 2024.


Faixa Atual

Título

Artista