CIMLT e municípios associados de relações cortadas com a AGIP

Escrito por em 29 de Julho, 2023

A Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT), bem como os 11 presidentes de câmara dos municípios associados, estão de relações cortadas com a Agência para a Gestão Integrada de Fogos Rurais (AGIF), estando apenas presentes em reuniões que a Lei obrigue.A decisão foi tomada após as recentes declarações do Presidente da AGIF, na Comissão de Agricultura e Pescas da Assembleia da República onde terá afirmado que “há municípios a gastar meio milhão de euros, uma barbaridade de dinheiro nos bombeiros, quando não gastam dinheiro a gerir a floresta”.

Numa nota enviada à imprensa, a CIMLT afirma que “o Senhor Engenheiro Tiago Oliveira lamenta o investimento feito nos corpos de bombeiros, ao mesmo tempo que afirma que os mesmos recebem financiamento pela área ardida.” Para a Comunidade Intermunicipal,  as declarações de Tiago Oliveira são graves e conotadas como “notícias falsas”.

Na sequência destas declarações, a CILMT exortaram o Presidente da AGIF a provar o que disse ou a demitir-se.


Faixa Atual

Título

Artista