Bairro Comercial Digital de VFX realizou a 1.ª Assembleia Geral

Escrito por em 26 de Fevereiro, 2024

O Museu do Neo-Realismo, em Vila Franca de Xira, recebeu, no passado dia 17 de fevereiro, a primeira Assembleia Geral do Bairro Comercial Digital de VFX (BCD VFX).

A sessão contou com a presença dos representantes dos estabelecimentos comerciais, prestadores de serviços, do Consórcio e do Instituto de Geografia e Ordenamento do Território, que é um parceiro do projeto e promove a sua monitorização.

Os trabalhos foram conduzidos pelo Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, líder do consórcio constituído em parceria com a Junta de Freguesia de Vila Franca de Xira e a Associação Empresarial dos Concelhos de Vila Franca de Xira e Arruda dos Vinhos (ACIS). Fernando Paulo Ferreira deu a conhecer as principais ações a desenvolver e a implementar na cidade, por forma a revitalizar, valorizar e modernizar o comércio e serviços de proximidade, através da digitalização do ecossistema empresarial instalado no BCD VFX.

O Bairro Comercial Digital definido para Vila Franca de Xira contempla, atualmente, 454 estabelecimentos e tem como objetivo principal digitalizar os seus modelos de negócio, capacitar o comércio local para as novas tecnologias e transformar a cidade de Vila Franca de Xira num centro comercial a céu aberto.

O plano de ação para 2024/2025 assenta em quatro eixos: Conetividade e Harmonização Urbanística, Oferta em Plataformas Eletrónicas, Digitalização da Experiência de Consumo e Integração em Soluções Logísticas Coletivas, que consistem por exemplo na reabilitação do Parque de Estacionamento Quinta Mina, a criação de rede Wi-Fi gratuita no espaço público, instalação de Mupis digitais, aquisição e instalação de mobiliário urbano, criação de uma marca identitária para a cidade e instalação de sinalética, desenvolvimento e manutenção de um Marketplace, com plataforma de entregas on-line, Click & Collect (Cacifos) e software de Ponto de Venda.

Recorde-se de que a candidatura do BDC VFX foi aprovada a 22 de agosto de 2023, e a assinatura do contrato de Consórcio feita a 18 de outubro de 2023. Tem financiamento ao abrigo do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) num total de 1.112.250,00€.

Trata-se de um projeto-piloto com duração até 30 de setembro de 2025.


Faixa Atual

Título

Artista